Dona Anna Variani, dirige aos 98 anos um Fusca 74 e trabalha voluntariamente em dois lugares: Sociedade Beneficiente Santo Antônio e, no Lar do Ancião, ajuda idosos mais novos no asilo, em torno de 75 anos de idade (cerca de duas décadas mais novas que ela). Ela é uma senhora encantadora, adorável e que se dedica a ajudar os outros. São 45 anos de assistência social. Destaque para dois momentos neste vídeo: 06:05 – Jô Soares pergunta a que horas ela vai dormir 06:49 – Jô Soares faz uma declaração inusitada A Dona Anna Variani usa o carro para ir quase todo dia para o Lar do Ancião de Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha. Mas a Dona Anna não mora no local, ela trabalha como voluntária, é a vice-presidente do lar, onde hoje vivem 60 idosos e 59 são mais novos do que Dona Anna. Anna Variani reside na cidade serrana de Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul (RS). Em 15 de Novembro de 1910 nasceu em Solagna, fronteira com Bassano del Grappa, um comuna italiana da região do Vêneto. Da Itália, ela imigrou para o Brasil com a família durante a Primeira Guerra Mundial. Os quase 100 anos de vida reduziram alguns centímetros de dona Anna, hoje com menos de 1m50 de altura, apenas 35 quilos e ainda com grande disposição. Na hora do almoço, ela dá de comer às velhinhas do asilo que têm mais dificuldade. A questão agora é tentar convencê-la a ficar longe do volante. “Eu gosto de dirigir. Não tenho medo, porque quando as coisas têm que acontecer, elas acontecem”, diz dona Anna Variani. “Tem